A Tríade do Tempo, de Christian Barbosa

Olá!!! Você tem tempo? O post de hoje é sobre o livro A Tríade do Tempo, de Christian Barbosa. Mas antes de falar sobre ele, faz-se necessário um pequeno relato pessoal.

De segunda a sexta, trabalho. E pra valer. No que estou agora comecei há poucos dias, com novos desafios, sendo que um deles é que fica mais longe de casa do que o anterior, ou seja, mais tempo no percurso ida e volta, metrô cheio, essas coisas. Aos sábados, faço aula de inglês, mas durante a semana também separo alguns períodos para estudar (sério, é uma questão de honra: um dia eu terei domínio dessa língua!).

Sou cristã, tenho minhas práticas devocionais diárias e participo ativamente de uma igreja. Isso significa que além de ir aos cultos, estou envolvida com atividades administrativas, boletins, eventos e até limpeza do templo.

Escrever é minha paixão. Escrevo para esse Blog, e como o tema dele é livros, sempre estou com um (ou dois) em mãos. Escrevo poesias para meu outro Blog. E participo de um projeto literário com uma amiga, em que trocamos textos regularmente, com o desafio de um novo tema por vez (mera informação: textos escritos à mão e enviados via correio).

Sou filha, amiga, tia, irmã. O que envolve algumas tarefas domésticas, contar à minha mãe sobre meu dia e ouvi-la contar pela 3ª vez sobre a vida de alguém que não faço ideia de quem é, assistir um pouco de Datena e Rezende com meu pai, encontrar amigos, ligar para aqueles que não consigo encontrar, brincar com crianças, tardes de domingo em família, fazer companhia, bater papo com a irmã antes de dormir, fazer favores.

Sou viciada em séries. Estou assistindo duas simultaneamente, e aguardando que novas temporadas de outras quatro séries sejam disponibilizadas na Netflix. Adoro ler. Então, além dos livros, há 1 revista mensal, 1 bimestral, diversas newsletters e os posts dos amiguinhos daqui que quase não perco nenhum. E há ainda os filmes, os momentos de ouvir música, de pensar na vida, acompanhar o facebook, de sair, de não fazer nada, de dormir.

Você deve estar pensando: nossa, como ela dá conta de tudo isso? 

Pois a verdade é que não dou conta. Ou pelo menos, não com a qualidade que gostaria. Não do jeito que gostaria. Frequentemente, negligencio uma coisa em detrimento de outra. Há semanas que me enrolo toda, fazendo minha lista de tarefas ficar louquinha. Em muitas vezes sinto um cansaço mental que me faz querer sumir. Foi em um desses momentos que, recentemente, precisei abrir mão de um freelancer que estava equilibrando há mais de um ano.

E mesmo dando mais ou menos conta de tudo isso, há muitas outras coisas que ainda não consegui encaixar na rotina. Não consigo arranjar tempo para uma atividade física (meu patins olha para mim desconsolado), fazer um trabalho voluntário regular, aprender um outro idioma (francês) e o que mais me entristece: não consigo dedicar tempo a escrever meu primeiro livro (tenho projetos de 3 livros, todos na cabeça, e apenas alguns rascunhos escritos).

Acontece que sou de uma geração que tem muito o que fazer, muito para conhecer, muito para saber. É o filme que lançou e precisamos assistir! É o novo aplicativo que precisamos instalar e usar! É o assunto da vez! É o novo lugar para ir! São os 400 “amigos” com quem precisamos nos relacionar (curtir, comentar…). De verdade, tento não ir nessa onda, mas quando vejo, estou sendo arrastada.

Por isso, a importância de apertarmos o botão de stop e considerarmos se tudo o que está consumindo nosso tempo é realmente o que nos levará para onde queremos ir.

O livro A Tríade do Tempo tem esse propósito, nos mostrar como usar o tempo a favor de nossos sonhos e objetivos. Confesso que apesar de ter grifado e concordado muito com ele, ainda falta muito para eu aplicá-lo totalmente.

Bem, de forma a “não perder mais tempo” rsrs, vou listar alguns realces do livro. Bora lá!

– Quem você é? Qual a sua missão? Qual o seu sonho?
Sabendo claramente esses pontos, terá como direcionar seu tempo e fazer o que é realmente importante para você. Com seu sonho em vista, faça escolhas que contribuam para que ele se torne real. Sonhar, planejar e agir!

– Gerenciar o tempo nada mais é do que a habilidade de fazer escolhas
Por exemplo, abrir mão do freelancer foi uma escolha (dolorida, principalmente para o meu bolso e para o cliente). Eu estava dando conta, cumprindo com as responsabilidades, fazendo um bom trabalho. Mas estava consciente de que não estava fazendo o melhor e isso me matava.

– Saiba distinguir o que é importante, urgente e circunstancial
Importante: são pessoais, tem importância para mim e nem sempre para os outros; proporcionam prazer ao serem executadas; trazem resultado positivo; em geral, são espontâneas.
Urgente: são tarefas que devem ser feitas imediatamente; geram estresse; geralmente são atividades negligenciadas; acabam preenchendo o dia, fazendo-nos dizer “estou na correria”.
Circunstancial: qualquer atividade que você é levado a fazer em função de uma situação, condição, ambiente ou de outra pessoa – independentemente da sua vontade; quando não toma decisões e deixa a vida seguir\levar; coisas feitas em excesso e o levam a perder tempo desnecessariamente; são aceitas por educação, condições ou medo de dizer não; geram sensação de insatisfação, saturamento, angustia e decepção.

O livro traz um teste que ajuda a distinguir como o tempo está sendo usado. Na época que fiz (2013), não foi nada bonito o resultado. A maior parte do meu tempo eram para coisas circunstancias.– Administração pessoal é a busca da qualidade de vida de forma a priorizar as atividades importantes e ter uma vida equilibrada das quatro dimensões do ser humano – físico, mental, emocional e espiritual

– É necessário reservar tempo para você mesmo, para curtir as coisas boas da vida, apreciar e agradecer tudo o que tem

Esses foram apenas alguns pontos destacados, mas o livro traz muito mais. Traz dicas ótimas sobre gerenciamento de tarefas, planejamento, organização, como lidar com interrupções, como evitar a procrastinação. Vale a leitura! Vale muito mais a aplicação do que se leu!!!

Minha oração (sim, uma oração) é que possamos aprender a usar o tempo de forma sábia e proveitosa.

“Acima de tudo, nunca se esqueça das pessoas importantes da sua vida. Não há dinheiro no mundo que pague o valor que elas possuem. É preciso dedicar tempo para viver seus relacionamentos de forma intensa e prazerosa. Pode ser a diferença entre uma vida fracassada e uma bem-sucedida. – Christian Barbosa”

Sinopse
Considerado o maior especialista em gestão do tempo no Brasil, Christian Barbosa oferece uma solução definitiva para quem deseja uma vida mais equilibrada, voltada para a realização dos seus sonhos.
Com base em uma pesquisa realizada com mais de 42 mil pessoas em todo o mundo, ele apresenta um inovador método de planejamento pessoal que vai ajudar você a organizar sua vida e se tornar mais produtivo.
A partir do conceito de que o tempo se divide em três esferas – importante, urgente e circunstancial –, o autor ensina como equilibrá-las para melhorar seu desempenho e como agir caso você esteja desperdiçando energia demais na esfera errada. 
A prática dessa metodologia, já testada e aprovada por milhares de pessoas, vai permitir que você encontre um momento para respirar entre uma tarefa e outra e consiga se dedicar ao que é realmente importante para sua vida.
A Tríade do Tempo traz ferramentas modernas que podem ser colocadas em prática tanto por quem utiliza agendas convencionais quanto por quem prefere soluções tecnológicas. Além disso, com este livro, você vai:
A-triade-do-tempo
• Aprender efetivamente a equilibrar vida pessoal e profissional.

• Identificar em que atividades está desperdiçando seu tempo.
• Realizar projetos baseados em seus planejamentos.
• Definir metas e estabelecer prazos para executá-las.
• Evitar reuniões desnecessárias e outros compromissos inúteis.
• Gerenciar seu e-mail e informações de uso pessoal.
• Descobrir novas ferramentas para gerenciamento de equipes.


Ficha Técnica
A Tríade do Tempo
Autor: Christian Barbosa
Editora: Sextante
Ano: 2011
Pág: 256
ISBN: 9788575427248
Anúncios

3 pensamentos sobre “A Tríade do Tempo, de Christian Barbosa

  1. Ana, adorei o seu post. Parece estar me descrevendo há uns dez anos, mais ou menos. Eu me dedicava a essas mesmas coisas, menos o curso de inglês, e acrescento ao meu currículo dois empregos (jornada dupla de trabalho). Isto até o dia em que surtei e fui parar no hospital. Foi um sustão e o que me bastou para mudar algumas coisas em minha vida. Nessa época foi que comecei a ler, sem parar, livros de autoajuda, os quais me auxiliaram bastante. Tomara que você consiga colocar em prática o que “A tríade do tempo” está lhe ensinando, pois optimizar o tempo em todos os sentidos é muito bom.
    À propósito: sabe o que mais curti no seu texto? Você ouvir sua mãe lhe contar pela 3ª vez sobre a vida de alguém que não faz ideia de quem é.
    Igualzinha a minha, Ana! 😀 😀 😀
    Ah! Essas mães, hein?! rsrsrsrs

    Beijocas, linda! 😉

    Curtido por 1 pessoa

    • Nossa, Andrea, isso é um risco mesmo. O corpo e mente não aguentam. Temos que respeitar seus limites. Que bom que foi só um susto e você conseguiu se organizar e ficar bem. Obrigada por ter compartilhado conosco sua história!
      Ah!!! Essas mães! Espero um dia ser tbm, e faço questão de fazer igual kkkk
      Bjao! Ótima noite 😉

      Curtido por 1 pessoa

  2. Pingback: O Poder do Hábito, de Charles Duhigg | Os Livros que Vivi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s