Amor de Redenção

Hi, people! Estava ansiosa pra escrever sobre o post de hoje. É sobre um livro que amei e que recomendo com brilho nos olhos. Para quem não conhece, espero que se sintam instigados a ler. Para quem já leu, está mais do que convidado a compartilhar o que achou!

Há uns 4 anos, me deparei com Amor de Redenção, de Francine Rivers, em uma livraria da Estação Rodoviária do Tietê. Já tinha um livro me acompanhando na viagem, então, apesar de ter me interessado pela leitura desse, acabei não comprando.

Ah, o arrependimento! Voltei a procurá-lo nas livrarias, mas não o encontrei. Procurei nas lojas virtuais, indisponível.  O livro se tornou apenas um nome na minha longa lista “Livros que quero ler”.

Eis que em dezembro passado consegui encomendá-lo numa livraria, e apesar de terem demorado uma eternidade para entregar, enfim, aleluias, pude segurá-lo. Os desencontros e espera valeram muito a pena!

O livro narra a história de Sarah, que ainda pequena presenciou a dor que o amor pode causar. E quem já sofreu por amor sabe como é fácil construir muros e colocar grades no coração, impedindo qualquer possibilidade de cura.

Meu coração se encheu de tristeza e revolta ao vê-la, com apenas 9 anos, sendo entregue para um bordel, onde se chamará Angel e onde passará o resto de sua triste infância e toda sua adolescência na prostituição, sem sucesso em suas tentativas de fuga.

Sem nenhum vestígio de esperança, ela aprende a não se importar. E aprende a não sentir. Até que aparece Michael, um homem simples, da terra, que lhe oferece um amor que ela nunca conheceu. Um amor que se prova firme. Forte. Verdadeiro. Poderia Angel merecer tal amor? Confiar que ele é real?

“Ela deu um sorriso triste e sentiu uma dor lá no fundo da alma. Talvez aquele homem fosse mesmo o que parecia. Talvez fosse sincero em tudo o que dizia, mas ela sabia de uma coisa que ele não sabia. Jamais seria do jeito que ele queria. Simplesmente não poderia ser assim. Ele era um sonhador. Queria o impossível. O amanhecer viria para ele também, e ele acordaria. E Angel não queria estar por perto quando isso acontecesse.”

Michael se entrega totalmente a Angel, e enfrenta um longo caminho de recusa, preconceitos, dúvidas, mágoas e medo, à espera de que ela entregue seu coração ferido a ele. Poderia Michael conquistá-la? Deus realmente estava com ele nessa jornada?

“Não entendo mais nada, Senhor. Perde-la é como perder metade de mim. Ela me amava. Eu sei que me amava. Por que a afastou de mim?”

Angel, aos poucos, derruba seus altos muros, permitindo sentir o que sempre temeu, o que nunca acreditou que pudesse merecer e lhe fazer bem.

“Talvez fosse o que ele tinha dito. Por algo que não se vê. Havia alguma coisa dentro dele que a atraia, como a chama atrai a mariposa, só que uma chama que não queimava nem destruía. Ao contrario, acendia alguma coisa lá no fundo, e ela sentia que estava se tornando parte dele. Ele dava sentido à sua vida. Não era mais uma questão de sobrevivência. Era outra coisa que ela ainda não podia descrever ver nem entender, mas que, no entanto, a chamava o tempo todo”.

Mas apenas o amor de Michael não será o bastante para Angel. Ainda há uma luta muito maior a ser vencida: voltar a ter fé em um Deus que sempre achou que estivesse distante.

A história, que prendeu meu fôlego em alguns momentos, e provocou lágrimas em outros, me cativou. Traz cenas lindas de renúncia, cura, perdão, fé, esperança e amor.

Amor de Redenção aborda como o amor atua junto com o perdão. E que, às vezes, tudo o que precisamos é entregar a dor para um Amor Maior, perdoar a si mesmo e abrir o coração para receber o amor genuíno, oferecido sem  nada pedir em troca!

“Amem com força, propósito e paixão, não importa o que surja contra vocês. Não fraquejem. Enfrentem a escuridão e amem. Esse é o caminho de volta para o Éden. Esse é o caminho de volta para a vida”.

Francine Rivers busca nesse livro apresentar o amor que tem como fonte o Amor Divino. E durante muitas vezes identifiquei tal Amor. Afinal, não é assim mesmo nossa relação com o Pai? Quantas vezes nos achamos indignos de tanto amor, e Ele apenas sussurra: Filha, eu a amo. É de verdade. É para sempre. É incondicional. Nada que fizer ou deixar de fazer, mudará isso. Aceite o meu amor! Ele está aqui. Eu estou aqui!

Sinopse
Nesta extraordinária versão da história bíblica de Oseias, AMOR_DE_REDENCAO_1290369734Ba escritora best-seller Francine Rivers nos conta o comovente romance entre uma prostituta e o honesto e gentil agricultor que se casa com ela.
A história também funciona como um lembrete do amor incondicional de Deus por seu povo. Amor de redenção começa com a Corrida 
do Ouro de 1850 e sua atmosfera de dura competitividade e ganância.
Angel, vendida como prostituta quando criança, aprendeu a desconfiar de todos os homens, que a veem apenas como uma forma de satisfazer seus desejos.
Quando o virtuoso Michael Hosea recebe de Deus a ordem de se casar com Angel, ele obedece, apesar de seus receios. Com o tempo, ela aprende a amar não só Michael, mas também Deus.
Rivers mostra aqui sua habilidade de tecer temas espirituais e tensão sexual em uma história muito bem contada, talento que a tornou conhecida como uma das romancistas mais populares do gênero da ficção cristã.

Ficha Técnica
Amor de Redenção
Autora: Francine Rivers
Editora: Verus
Pág: 462
Ano: 2010
ISBN: 9788576860884

—————————————————–

IMG_20160131_131329Alessandra Correa,  chegando aos 30, é apaixonada por sobrinhos, livros, Londres, música, séries e chocolate. Sempre com um livro em mãos, adora falar sobre aqueles que marcaram sua vida. E tem como paixão e dom transformar palavras em histórias e poesias, algumas divulgadas aqui: www.momentoempalavra.blogspot.com
Anúncios

6 pensamentos sobre “Amor de Redenção

  1. Nossa! Suspirei alto assim que terminei de ler a sinopse *-* Que livro ein… Eu concerteza vou dar um jeitinho de ler ele, e uma indicação minha para você ” Redenção – Karen Kingsbury com Gary Smalley” eu tenho quase certeza que você vai AMAR essa leitura assim como eu amei ❤ São cinco livros, eu acho que só lançou dois até agora então embarca nessa viagem haha. Beijos e ótimo post viu?! :*

    Curtido por 1 pessoa

    • Sim, dê um jeitinho de ler porque você vai suspirar muito mais vezes!
      Sobre esse que me indicou, não conheço ainda… mas obrigada pela dica, vou pesquisar sobre ele!!! Ah, mas esses de série que temos que aguardar o lançamento no Brasil acaba com meu core hehehe
      Bjão!

      Curtir

  2. Pingback: Tag dos 50% – Melhores e Piores do 1º Semestre de 2016 | Os Livros que Vivi

  3. Pingback: Os primeiros de 2017 | Os Livros que Vivi

  4. Pingback: Nosso 1º Aniversário! | Os Livros que Vivi

  5. Pingback: A Ponte de Haven, de Francine Rivers | Os Livros que Vivi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s